Tags

, ,

Nabudonosor, rei da Babilônia, mandou construir uma estátua gigante, de ouro, em sua homenagem. E todos os povos, ou ouvirem o som das trombetas e de outros instrumentos musicais, deveriam se curvar e se ajoelhar diante da estátua, a fim de adorá-la.

TODAS as pessoas deveriam ser ajoelhar, do mais rico ao mais pobre. Governadores, prefeitos, juízes, autoridades e o povo, todos. E quem não se ajoelhasse?

“Quem não se ajoelhar e não adorar a estátua será jogado na mesma hora numa fornalha acesa.” (Daniel 3:6)

Logo, os instrumentos começaram a tocar e todas as pessoas se ajoelharam. Mas claro, que no meio desse povo, há os prisioneiros judeus, que foram levados cativos para a Babilônia, para serem escravos do rei, servi-lo, no palácio ou para serem mandados às guerras.

E será que esse povo, aqueles que acreditavam no Deus Vivo, se ajoelharam? Eu acredito que muitos se ajoelharam sim, não por realmente estarem adorando à imagem, mas sim, por medo. Medo de serem jogados na fornalha.

Mas a Bíblia fala de 3 jovens que não se ajoelharam, e isso irritou muito o rei.

“Esses judeus-Sadraque, Mesaque e Abede-Nego-não respeitam o senhor, não prestam culto ao deus do senhor, nem adoram a estátua de ouro que o senhor mandou fazer. Ao ouvir isso, Nabucodonosor ficou furioso e mandou chamar Sadraque, Mesaque e Abede-Nego. Eles foram levados para o lugar onde o rei estava, e ele lhes disse: -É verdade que vocês não prestam culto ao meu deus, nem adoram a estátua de ouro que eu mandei fazer? Pois bem! Será que agora vocês estão dispostos a se ajoelharem e a adorarem a estátua, logo que os instrumentos musicais começarem a tocar? Se não, vocês serão jogados na mesma hora numa fornalha acesa. E quem é o deus que os poderá salvar? Sadraque, Mesaque e Abede-Nego responderam assim: -Ó rei, nós não vamos nos defender. Pois, se o nosso Deus, a quem adoramos, quiser, ele poderá nos salvar da fornalha e nos livrar do seu poder, ó rei. E mesmo que o nosso Deus não nos salve, o senhor pode ficar sabendo que não prestaremos culto ao seu deus, nem adoraremos a estátua de ouro que o senhor mandou fazer.” (Daniel 3:12-18)

Após ouvir isso, Nabudonosor se encheu de raiva e mandou aquecer a fornalha 7 vezes mais do que o normal. Você consegue imaginar isso??

Os jovens foram amarrados e jogados na fornalha, e porque esta estava mais quente que o normal, as labaredas mataram os soldados que jogaram os israelitas lá para dentro.

Agora, quero que você use um pouco da sua imaginação:

Imagine que você é um deles. Imagine que você é Sadraque, por exemplo. O que você faria no lugar dele? Teria se ajoelhado ou teria escolhido ir para a fornalha?

Sim, escolha. Os 3 jovens escolheram isso. Porque, eles poderiam ter adorado à estátua, mas eles escolheram OBEDECER.

Agora, compare esse situação com alguma situação de sua vida. Quando você se sentiu dentro de uma fornalha. As labaredas dos problemas tentando te consumir, o cheiro forte da fumaça, que te faz chorar, por onde você olha, você só vê problemas e mais problemas. Não há esperança. As portas da fornalha são vigiadas por guardas. Onde está meu socorro?

– Deus! Por que estou no meio dessa fornalha se fui tão obediente a Ti? Escolhi fazer o certo, escolhi Te obedecer, Te honrar. Não quis me curvar diante das coisas desse mundo, mas preferi me curvar diante de Ti. E agora aqui me encontro, já quase sem ar, sufocado pelas chamas dos meus problemas!!!

– Espera, o que é essa mão aqui no meu ombro? Eu estava sozinho aqui nessa fornalha.

Não. Você não estava. Alguém estava com você esse tempo todo. O mesmo Deus para O qual você estava chorando, é o mesmo que está ao seu lado dentro dessa fornalha.

O mesmo Deus no qual aqueles 3 jovens – Sadraque, Mesaque e Abede-Nego – adoravam e obedeciam era o mesmo Deus que agora se encontrava junto com eles, dentro da fornalha.

“Então o rei Nabucodonosor se espantou, e se levantou depressa; falou, dizendo aos seus conselheiros: Não lançamos nós, dentro do fogo, três homens atados? Responderam e disseram ao rei: É verdade, ó rei. Respondeu, dizendo: Eu, porém, vejo quatro homens soltos, que andam passeando dentro do fogo, sem sofrer nenhum dano; e o aspecto do quarto é semelhante ao Filho de Deus.”

Filho de Deus? O próprio Jesus estava andando com eles ali dentro!

Essa passagem, mexe muito comigo, pois, eu me sinto como um daqueles jovens, às vezes. Determinadas situações da minha vida fazem com que eu me sinta dentro de uma verdadeira fornalha. Mas, se você fica só olhando para si mesmo e pro seu problema, você não vai ver Jesus ao seu lado. Mas se você clamar e pedir socorro a Ele, Ele vem te socorrer.

“Falou Nabucodonosor, dizendo: Bendito seja o Deus de Sadraque, Mesaque e Abednego, que enviou o seu anjo, e livrou os seus servos, que confiaram nele, pois violaram a palavra do rei, preferindo entregar os seus corpos, para que não servissem nem adorassem algum outro deus, senão o seu Deus.” (Daniel 3:27)

E você sabe porque você passa pela fornalha? É dessa forma que Deus nos molda. Uma fornalha serve para moldar um objeto ou refinar uma jóia. Cada vez que você passa por uma fornalha, com Jesus ao seu lado, você sai mais forte. É nesse período que Deus molda você, molda o seu caráter e refina a sua fé.

“Pois tu, ó Deus, nos provaste; tu nos afinaste como se afina a prata.” (Salmos 66:10)
“Então, na sua angústia, gritaram por socorro, e o Deus Eterno os livrou das suas aflições.” (Salmos 107:6)

Muitas vezes, ser jogado para dentro da fornalha é inevitável, mas o que fazer lá dentro, é escolha sua.

Pati Geiger
Não Morda a Maçã