Ei pessoal! Sumida estou, cá com meus botões, passando por aquele básico momento de reflexão e balanço anual. Se bem que, em 2011, passei praticamente o ano todo fechada pra balanço. Talvez sejam os meus 30 e poucos anos e a maturidade esteja chegando, talvez seja o toque de Jesus que tenha me levado a refletir e a ficar tão introspectiva nos últimos tempos.

O ano de 2011 foi um ano de crescimento, e como todas as situações que envolvem amadurecimento, não foi um ano muito fácil. Foi um ano de escolhas, entregas e perdas. Um ano bastante solitário para mim.

Solitário sim, mas de momentos profundos com o Pai. Alegremente posso dizer que em momento algum eu me senti desamparada ou abandonada, sei que caminhamos nós dois apenas, e em diversos momentos senti como nunca antes a profundidade do amor do Pai! Me senti tão amada, tão compreendida, tão preciosa para Deus! UAU! Foi tão intenso que me senti totalmente desconectada desta terra! Compreendi com o meu coração que havia recebido meu passaporte e que era uma cidadã dos céus…Me senti abrigada em Seu colo, como se eu pudesse ouvir as batidas do Seu coração! E senti que Ele contava comigo!

Tempo de cura, tempo de cuidado, tempo de restauração nos meus relacionamentos. Tempo de ousadia no Espírito, tempo de fluir na graça. Tempo de servir, de cuidar, tempo de ser cuidada também.

Com o passar do tempo, na medida que minhas mãos iam soltando os relacionamentos, o Pai acalentou meu coração gerando alianças com pessoas que me inspiraram e me edificaram tanto esse ano. Tenho por certo que essas alianças vieram como uma declaração de amor, direto do coração DELE!

Agradecida, me lembro daqueles que conheci e que me impactaram, inspiraram e encorajaram ao longo desse ano!

Em 2011 também nasceu o “Tua Graça Me Basta”, uma grande surpresa pra mim, sem expectativa alguma de que as minhas experiências pessoais e testemunhos pudessem despertar o interesse de tantas pessoas. Fui muito encorajada aqui, aqui nasceram amizades, ministrações, e tantos testemunhos.

Assim como o ano que se inicia, ainda me sinto um bebê que engatinha, e sei que tenho tanto a aprender e a descobrir de Deus. Esse é o desejo do meu coração para 2012! Conhecê-Lo, e me fazer conhecida DELE! Só para ELE!

“Então conheçamos, e prossigamos em conhecer ao SENHOR;” (Oséias 6:3)

As cadeias que me prendiam foram quebradas, as algemas se partiram, as correntes não resistiram ao SEU amor.

Reinicio minha jornada, trilhando o mesmo caminho, com o mesmo acompanhante, rumo ao mesmo destido. Minha busca desesperada é uma só, meu alvo é ÚNICO. Apaixonada, olho as flores, sinto a grama dos pastos verdejantes entre os dedos dos pés, e solto um leve suspiro ao sentir a brisa soprar balançando os meus cabelos evidenciando o perfume da Sua presença!

A presença que faz TODA diferença. A presença que transforma as minhas circunstâncias de dor e incerteza! A presença que me basta, a presença que me nutre, a presença que me consola, e me acalma.

O ano acabou de começar, e sem planos, não tenho certeza de nada, e não tenho idéia de como será 2012, mas tenho certeza que TUDO o que eu preciso já está aqui!

“Onde quer que eu esteja Senhor
Em um vale ou alta montanha
O que faz o meu dia ter cor
É a beleza da Tua companhia
Não importa o lugar se comigo o Senhor está
Com muito ou pouco sou feliz
Não importa o que está do lado de fora
És o Meu tesouro e estás dentro de mim

Tua presença,Tua presença
Faz toda diferença
Tua presença,Tua presença
Transforma o meu deserto
Em um jardim secreto
Lugar de intimidade contigo
Tu És TUDO o que eu preciso

Eu prefiro estar num deserto
E ter o Senhor bem por perto
Se guiado por Teu Espírito sou
Não importa o lugar onde estou
Eu não temerei

Tua presença,Tua presença
Faz toda diferença
Tua presença,Tua presença
Transforma o meu deserto
Em um jardim secreto
Lugar de intimidade contigo
Tu És TUDO o que eu preciso

Transforma o meu deserto
Em um jardim secreto
Lugar de intimidade contigo
Tu És TUDO o que eu preciso”